Estimados colegas,
 
Nos passados dias 19 e 20 de maio, decorreu mais uma reunião anual da nossa associação, que se saldou, com uma enorme participação, tanto de especialistas como internos ORL e Neurologistas.
 A reunião anual reveste-se de enorme importância, por se tratar da reunião magna da nossa associação, local e momento do ano, onde se podem encontrar os principais especialistas nacionais, debater conceitos e estratégias, fomentando a multidisciplinaridade e a aprendizagem inter-pares. A presença de especialistas estrangeiros, proporcionou um debate mais abrangente, com a apresentação de novas estratégias diagnósticas e terapêuticas, mas também a possibilidade de estabelecer parcerias e encurtar distâncias. 
De relevo, foi igualmente a enorme participação de internos, de diferentes regiões do país, o que muito nos congratula, demonstrando o período de expansão da otoneurologia em Portugal. A apresentação de trabalhos, de cada vez maior qualidade, reflexo do maior interesse pela área, e do desenvolvimento da otoneurologia em Portugal, que a APO tem patrocinado, com natural reflexo nos cuidados de saúde prestados aos doentes que nos procuram, sendo afinal, este o objectivo último da APO. 
É vontade desta direcção, trazer de forma crescente, para o programa principal de futuras reuniões, a presença destes trabalhos de forma a fomentar a discussão, proporcionar uma ideia mais concreta,  de como trabalham as diferentes unidades do país, tentando uniformizar protocolos de forma a elevarmos o nível de cuidados prestados.
Apesar da ainda, estarmos em tempo de balanço final da reunião, o tempo escasseia e o trabalho desta direcção, não para, estando já a ser preparado o dia da vertigem, a reunião Ibérica em dezembro e já se iniciaram os trabalhos de preparação da próxima reunião anual. Esperamos encontrar-vos a todos nos próximos encontros.
Contamos convosco.
 
Abraço a todos,
 
Pedro Araújo